• Português
  • English

Mestranda em Neuroengenharia do ISD é selecionada para estágio internacional no Peru

28/09/202216:08

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A engenharia biomédica e mestranda em Neuroengenharia pelo Instituto Santos Dumont (ISD), Beatriz Moura, foi selecionada pela International Brain Research Organization (IBRO), organização internacional voltada para o fomento de cursos, pesquisas e atividades relacionadas às neurociências ao redor do mundo, para um estágio na Universidad Andina del Cusco, no Peru. Durante uma semana, Beatriz poderá trabalhar em conjunto com pesquisadores da instituição em projetos que relacionam modelagem computacional e neurociências, a fim de aplicar os conteúdos em sua pesquisa desenvolvida no ISD. Ao todo, 30 pessoas foram selecionadas para o programa em toda América Latina. 

 

Natural de Limoeiro do Norte, no Ceará, Beatriz se mudou para o Rio Grande do Norte para cursar a graduação em Ciência e Tecnologia na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Lá, teve oportunidade de começar a trabalhar com modelagem computacional e sistemas biológicos. “No segundo ciclo, quando entrei para a Engenharia Biomédica, paguei disciplinas de fisiologia e anatomia, e isso foi despertando mais meu interesse pela área de neuro. Foi aí que uma amiga me falou sobre o mestrado em Neuroengenharia do ISD e eu ingressei de vez nesse universo”, afirma. 

 

Atualmente, Beatriz estuda temas relacionados à memória em modelos animais. Para isso, teve de desenvolver novas habilidades, como cirurgia, confecção de eletrodos, análises celulares e outras. “Isso é tudo muito novo e exige bastante dedicação. Estou fazendo eletrodos, cirurgias, coisas que nunca vi na universidade. Aqui, a prática é 100%. Nunca imaginei trabalhar com modelos animais, e estou gostando muito disso. Para minha perspectiva profissional, essa experiência é fantástica, porque sempre me percebi como uma pessoa curiosa, e os desafios, as coisas que eu não necessariamente domino de cara, me estimulam”, afirma. 

 

Orientada em seu projeto de mestrado pela professora-pesquisadora Maria Carolina Gonzalez, Beatriz afirma que espera poder unir a parte de modelagem computacional, que viu mais à fundo durante a graduação, aos estudos da memória e neurociências. A expectativa da estudante é ver como essas modelagens estão sendo utilizadas dentro das neurociências e, a partir daí, pensar como é possível trazer esse conhecimento para aplicá-lo nas pesquisas que realiza no Brasil.

 

Modelagem computacional

A modelagem computacional é uma área multidisciplinar, que une técnicas da computação e modelos matemáticos para permitir a compreensão e análise de diversos fenômenos em áreas como ciências biológicas, ciências exatas, ciências humanas, economia e engenharias. 

Texto:  Mariana Ceci / Ascom – ISD

Foto: Mariana Ceci / Ascom – ISD

Assessoria de Comunicação
comunicacao@isd.org.br
(84) 99416-1880

Instituto Santos Dumont (ISD)

É uma Organização Social vinculada ao Ministério da Educação (MEC) e engloba o Instituto Internacional de Neurociências Edmond e Lily Safra e o Centro de Educação e Pesquisa em Saúde Anita Garibaldi, ambos em Macaíba. A missão do ISD é promover educação para a vida, formando cidadãos por meio de ações integradas de ensino, pesquisa e extensão, além de contribuir para a transformação mais justa e humana da realidade social brasileira.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
NEUROCIÊNCIAS
NEUROENGENHARIA
PESQUISA

RECOMENDAMOS